ICO: Atividade caiu 90% este ano
Shutterstock
Página principal Síntese, Criptomoedas, ICO, Plataformas de criptomoedas
Tema do momento
9 Outubro
482 482

As principais notícias do mercado de criptomoedas esta manhã

Atividade global das ICO se encontra em ampla queda

Um estudo independente conduzido pela Autonomous Research — empresa britânica que oferece investigação nas áreas da banca, investimentos, seguros e finanças — concluiu que a atividade global das Ofertas Iniciais de Moeda (ICO) caiu mais de 90% este ano. Depois de se terem reunido 3 bilhões de dólares em vendas de tokens no início deste ano se destaca que em setembro esse valor caiu para 300 milhões de dólares.

Cointext se expande para a Ásia

Hong Kong é a primeira localização asiática abrangida pela Cointext, empresa fornecedora de serviço que permite que titulares de criptomoedas enviem tokens para números móveis ou endereços de Bitcoin Cash sem Internet, aplicativos ou contas — apenas via SMS. Se segue Israel e Palestina em termos de acesso à Cointext. «São zonas importantes [...] pois são centros financeiros,» afirmou Vin Armani, fundador da empresa.

CFTC trava fraude com criptomoedas

A Commodity Futures Trading Commission (CFTC), regulador norte-americano do mercado de derivados, reforçou as suas ações policiais este último ano fiscal — em grande parte por casos relacionados com criptomoedas. A agência está ciente de que a fraude com criptomoedas é uma questão real, além de iniciativas de insider trading e manipulação. Se destaca que aplicou cerca de 900 milhões de dólares em penalidades civis só em 2018.

Plataformas mais pequenas se encontram em dificuldades

Enquanto as grandes plataformas de câmbio de criptomoedas (como a Coinbase e a Binance) veem os seus negócios prosperar, as plataformas mais pequenas encaram dificuldades. A Coinfloor, por exemplo, reduziu recentemente o número de colaboradores depois de ter registrado ampla queda de receita (por declínio do volume diário de negociação e surgimento de novas plataformas) — e não está sozinha.

IBM avança com a iniciativa IBM Food Trust

A empresa de tecnologia (NYSE: IBM) revelou que o seu projeto de rastreamento alimentar com recurso à blockchain (para aumento da transparência, estandardização e eficiência na cadeia de oferta de alimentos), o IBM Food Trust, se encontra avançando. Empresas do setor podem subscrever o serviço, que tem como principal objetivo a segurança alimentar. Nomes como Nestlé, Unilever, Walmart e Carrefour já o fizeram.

«As criptomoedas são mais centralizadas que a Coreia do Norte»

«A descentralização no [ecossistema] das criptomoedas é um mito. É um sistema mais centralizado do que a Coreia do Norte: os mineiros se encontram centralizados, as plataformas estão centralizadas, os desenvolvedores são ditadores centralizados […] e o coeficiente de Gini referente à Bitcoin [apresenta maior desigualdade] que quanto à Coreia do Norte.» — Nouriel Roubini, economista na NYU.

A capitalização total do mercado de criptomoedas corresponde atualmente (6h30 de Brasília) a 219,8 bilhões de dólares

Entretanto, nas últimas 24 horas:

  • O preço da Bitcoin (Bitcoin) subiu 0,80% para 6638,28 dólares
  • O preço da Ethereum (ETH/USD) subiu 1,62% para 228,58 dólares
  • O preço da XRP (XRP/USD) caiu 0,09% para 0,48 dólares
  • O preço da Bitcoin Cash (Bitcoin.Cash) caiu 0,22% para 517,95 dólares
  • O preço da EOS (EOS/USD) subiu 2,07% para 5,86 dólares

Desempenho

  • Criptomoeda com melhor desempenho do top 10: Cardano (+2,40%)
  • Criptomoeda com melhor desempenho do top 100: Nebulas (+13,09%)

Próximas ICO

  • 15 de outubro: Finnoq
  • 31 de outubro: 4ARTechnologies
  • 1 de novembro: Quidli

Consulte a lista completa de ICO decorrendo aqui [em Inglês].

Leia também:
Por favor, descreva o erro
Fechar
Fechar
Obrigado pelo seu registo
Faça "curtir" a esta página para que a gente possa continuar a publicar artigos interessantes gratuitamente