5 Criptomoedas às quais deverá prestar atenção
Página principal Finanças, Investimento em criptomoedas, Criptomoedas, Finanças pessoais
Tema do momento
23 Abril
5547 5k

Quer construir a sua carteira de criptomoedas? Steven Hay, jornalista e investidor, conta quais as cinco melhores opções para a mesma: criptomoedas que poderão desfrutar de crescimento constante este ano.

Bitcoin, devido à sua descentralização

O primeiro lugar pertence à Bitcoin (Bitcoin), que continua a líder do mercado de criptomoedas. A Bitcoin é a criptomoeda com maior valor, maior adoção e maior segurança — sendo também a mais reconhecida e a única criptomoeda, até agora, representada em mercados tradicionais sob a forma de futuros, disponíveis tanto na CME como na CBOE.

A Bitcoin continua o principal motor deste mercado. O desempenho de todas as outras criptomoedas se encontra altamente correlacionado com o seu.

Se estima, até, que a diferença entre a Bitcoin e a maioria das restantes criptomoedas venha a aumentar. A Bitcoin tem várias inovações promissoras em carteira, como a Lightning Network, que deverá proporcionar maior adoção da mesma — uma vez que permite significativa escalabilidade e pagamentos instantâneos e seguros.

A Lightning Network está, de fato, crescendo de forma constante, com usuários testando as suas várias aplicações com bitcoins reais.

Bitcoin: guia passo-a-passo para principiantes

Litecoin, devido à sua persistência

A Litecoin é uma clone da Bitcoin com um algoritmo de hash diferente. Relatórios surpreendentes têm revelado que a sua utilização em mercados da darknet surge em segundo lugar, logo após a Bitcoin. Seria de esperar algo semelhante da Monero — focada na privacidade dos usuários, logo mais adequada para a compra e venda de bens e serviços ilícitos — e não da Litecoin, que não dispõe de tecnologia que proporcione anonimato.

Se estima que a adoção (LTC/USD) resulte da sua longevidade no mercado: foi lançada no final de 2011.

Outro fator a favor da Litecoin é que integrou a tecnologia SegWit da Bitcoin, o que significa que está preparada para a Lightning Network. A Litecoin poderá assim beneficiar de negociação peer-to-peer segura, sem o envolvimento de terceiros (como plataformas de câmbio). E mais: com a Litecoin mantendo o seu código amplamente sincronizado com o da Bitcoin, está bem posicionada para beneficiar do progresso tecnológico da mesma.

Guia passo-a-passo para a compra de Litecoin

Ethereum, graças aos contratos inteligentes

A Ethereum (ETH/USD) enfrenta grandes problemas. Em primeiro lugar, são vários os governos reprimindo as Ofertas Iniciais de Moeda (ICO), com boas razões: muitas se provaram fraudulentas ou totais fracassos. Porém, a maioria das ICO é executada na rede Ethereum e a loucura em torno das mesmas nos últimos tempos representou enorme valor para a Ethereum. Assim, a aprovação de regulamentações que reduzam a condução de ICO terá o seu impacto.

Em segundo lugar se destaca a adiada transição da Ethereum para um novo sistema híbrido Proof of Work (PoW)/Proof of Stake (PoS). A mineração de Ethereum com unidades de processamento gráfico é lucrativa, mas a Bitmain anunciou recentemente o desenvolvimento de dispositivos ASIC para Ethereum, o que terá impacto na renda dos mineiros que recorram a unidades de processamento gráfico. Irá essa situação forçar a transição? E quão bem-sucedida será a mesma?

Se a Ethereum conseguir superar estas grandes questões, regulamentação e mineração, demonstrará significativa resiliência. Se não, são várias as criptomoedas concorrentes a seguindo de perto — como a Ethereum Classic (ETC/USD), a Cardano e a EOS (EOS/USD).

Ethereum: guia passo-a-passo para principiantes

Monero, devido ao seu anonimato

Embora a sua adoção em mercados da darknet não corresponda ao que seria de esperar, como referido anteriormente, e a sua reputação e capitalização de mercado continuem atrás das das suas maiores concorrentes, a Monero (XMR/USD) continua a criptomoeda que proporciona maior privacidade.

Mais, o fato de a Monero ter alterado recentemente a sua Proof of Work para derrotar o desenvolvimento de um minerador ASIC para o seu algoritmo confirma o seu compromisso para com a descentralização da mineração. Mineiros que recorram a unidades de processamento gráfico poderão voltar a se centrar na Monero — criptomoeda que continua se desenvolvendo.

Guia passo-a-passo para a compra de Monero

Vertcoin, a criptomoeda bônus

A Vertcoin também é uma clone da Bitcoin — com um algoritmo de hash diferente. A sua equipe prometeu mudar o algoritmo se for desenvolvida mineração ASIC para a mesma, pretendendo que a mineração se mantenha descentralizada ao bloquear grandes monopólios de mineiros.

A Vertcoin é uma criptomoeda de baixo valor com adoção significativa.

Tal como a Litecoin, tem potencial para beneficiar amplamente do sucesso da Lightning Network. Além disso, a sua equipe está testando um produto chamado LITBox. Este dispositivo em hardware irá permitir que os usuários automatizem operações na Lightning Network. Poderá se provar uma inovação significativa, uma vez que configurar um nó em Lightning Network exige muito know-how técnico.

Se o dispositivo chegar a produção e permitir acesso fácil à Lightning Network poderá se vender bem — suportando Bitcoin, claro, mas também Litecoin e Vertcoin por padrão. Poderá fazer bastante pela adoção destas criptomoedas.

Fonte: 99Bitcoins

Leia também:
Por favor, descreva o erro
Fechar