Litecoin vs. Bitcoin: qual o melhor investimento para o longo prazo?
Página principal Finanças, Criptomoedas, Investimento em criptomoedas, Altcoins
Tema do momento
30 Outubro
1136 1k

A Bitcoin é o primeiro exemplo em que se pensa quando se fala em investimento em criptomoedas. No entanto, é pouco provável que a maior do mundo venha a experienciar crescimento tão significativo como aquele que poderá ser sentido por uma criptomoeda de menor valor e capitalização de mercado — como a Litecoin.

O que têm em comum? E o que as distingue?

As duas criptomoedas, Bitcoin (Bitcoin) e Litecoin, têm bastante em comum, designadamente porque a Litecoin foi desenvolvida como uma cópia da Bitcoin. Há, no entanto, pequenas diferenças que as caraterizam e que tornam uma um melhor investimento para o futuro do que a outra. Saiba do que falamos nos pontos que se seguem.

Velocidade das transações

A primeira grande diferença ao nível da funcionalidade das duas criptomoedas é a velocidade das transações com recurso às mesmas. Aqui a Litecoin (LTC/USD) surge à frente, recorrendo a menos tempo para o processamento de transações em comparação com a Bitcoin. Enquanto a Bitcoin exige aproximadamente 10 minutos, a Litecoin requer apenas 2,5 minutos. Tal a torna uma das criptomoedas preferidas entre usuários para transações.

Algoritmos de mineração

Embora ambas as criptomoedas partilhem a característica da mineração, as duas assumem abordagens muito diferentes. A Bitcoin usa o algoritmo SHA-256, o que dificulta o processo de encontrar novos blocos. Para se ser bem-sucedido nessa atividade é necessário recorrer a equipamento profissional e ASIC — geralmente dispendiosos. Assim, a mineração tem sido deixada para grandes empresas, com capacidade para suportar os custos do hardware necessário e do funcionamento associado.

A Litecoin, por sua vez, simplifica tudo isto ao recorrer ao algoritmo Scrypt, que torna mais simples a mineração com um computador comum ligado à Internet. O mesmo também reduz a quantidade de energia necessária para minerar.

Criadores

Além do referido é comummente conhecido que o criador da Bitcoin continua anônimo, tendo apenas revelado o pseudônimo Satoshi Nakamoto. Em contraste, o criador da Litecoin, Charlie Lee, é um rosto familiar do setor e dos entusiastas desta altcoin, se destacando que foi engenheiro na Google. Se salienta que descreveu a Litecoin como a prata se a Bitcoin fosse considerada o ouro do ecossistema — porém, poderá vir a ser ao contrário. Por agora a maciça adoção da Bitcoin não passa despercebida e é a principal razão pela qual é a mais forte em números no mercado.

Em qual das duas investir para o longo prazo?

Embora tecnologicamente falando a Litecoin se tenha baseado na Bitcoin, a criptomoeda foi capaz de introduzir melhorias às ineficiência da número um, se tornando melhor. Tal a prepara para adoção no futuro, com os investidores começando a perceber o que oferece em relação à Bitcoin. A criptomoeda começa também forjando novas parcerias todos os dias, vitais para o seu sucesso — uma vez que sinalizam confiança no projeto, lhe concedendo legitimidade.

Outra razão crucial pela qual a Litecoin surge como melhor investimento de longo prazo se prende com o fato de o atual preço de compra ser atualmente baixo e o retorno potencialmente elevado. Se investir em uma Litecoin pagará apenas cerca de 50 dólares (valores de hoje) e poderá receber tanto como mais de 300 dólares — com o risco de perda se mantendo apenas nos 50 dólares. Por outro lado, se investir na Bitcoin terá de desembolsar cerca de 6400 dólares, sendo esse o valor que poderá nunca recuperar.

Será melhor investir na hipótese que fará com que perca menos, podendo possibilitar lucro em simultâneo.

Leia também:
Por favor, descreva o erro
Fechar
Fechar
Obrigado pelo seu registo
Faça "curtir" a esta página para que a gente possa continuar a publicar artigos interessantes gratuitamente