Página principal Notícias, Bitcoin, Criptomoedas
Tema do momento
11 de Dezembro de 2017
6661 6k

A economia tem experienciado crescimento generalizado ao longo deste ano — estimulada, em parte, por baixas taxas de juros e por grandes investimentos em vários mercados, nomeadamente no mercado de criptomoedas. Porém, de acordo com o economista Torsten Slok do Deutsche Bank, o potencial crash da Bitcoin surge como um dos maiores riscos para a economia global em 2018.

Slok avança que o preço da criptomoeda (Bitcoin), amplamente volátil, poderá ser alvo de grandes oscilações ainda antes do final do ano — preocupação que se estende para o próximo ano: “Nos preocupa, de fato, que se torne algo mais sistémico [a volatilidade do preço da Bitcoin], em particular se as atuais tendências se mantiverem em 2018.” — Avançou Slok.

Slok aponta, contudo, outros “eventos” que poderão afetar a economia global antes de potencial crash da Bitcoin. Destaca como particularmente preocupante os desenvolvimentos ao redor do Brexit, as taxas de inflação nos Estados Unidos, os planos de testes nucleares da Coreia do Norte e uma potencial bolha imobiliária na Suécia ou Noruega.

Fonte: Cointelegraph

Leia também:
Por favor, descreva o erro
Fechar