Página principal Notícias, Criptomoedas
Tema do momento
26 Março
361 361

A geração do milênio, indivíduos que têm hoje entre 18 e 34 anos, adora criptomoedas. Seja pela tecnologia por trás das mesmas, que promete modernizar o capitalismo e libertá-lo do controlo de grandes governos e bancos, seja pelo potencial das criptomoedas para enriquecer rapidamente os seus investidores, esta geração é a mais entusiasmada com os ativos digitais.

É por isso que as «criptomoedas» surgiram como opção para «investir 10 000 dólares» em inquérito conduzido recentemente junto de 1000 indivíduos estado-unidenses: dos 51 indivíduos que colocaram essa hipótese (investir em criptomoedas), 9,19% eram jovens da geração do milênio enquanto apenas 3,08% eram baby boomers — indivíduos com 55 anos ou mais.

A Bitcoin (Bitcoin) surge de longe como a opção mais popular, seguida pela Ethereum e a Litecoin: dos inquiridos da geração do milênio 76% avançaram que investiriam 10 000 dólares na Bitcoin, 12% na Ethereum e 12% na Litecoin — resultados que vão ao encontro do ranking mundial de criptomoedas por capitalização de mercado exceto para a Ripple, superada pela Litecoin.

Fonte: Forbes

Leia também:
Por favor, descreva o erro
Fechar